22/07/2016 16h26

Dúvidas sobre varizes e microvasos?

 
Dr. Alexandre Acosta Duarte Dr. Alexandre Acosta Duarte

Vasinhos podem causar problemas?
Geralmente não causam graves problemas na circulação, mas podem ocasionar sensação de peso,cansaço nas pernas e prejuízo estético. Ao contrário do que muita gente pensa, essas pequenas veias não crescem e nem viram varizes, porém, a presença de vasinhos pode indicar que as veias maiores estão doentes.

Quais são os métodos para tratar os vasinhos?
A Escleroterapia Convencional ou Química (aplicação), Crioescleroterapia (com gelo), Escleroterapia com Espuma e a Escleroterapia Térmica (Laser e Radiofrequência).

O tratamento é doloroso?
A dor costuma ser pequena ou ausente, com boa tolerância dos pacientes. Ela também pode ser minimizada com a diminuição da temperatura da pele.

O que esperar?
A Escleroterapia é geralmente feita no consultório e não requer anestesia. Normalmente, leva entre 15 a 30 minutos para ser concluída. O número de aplicações depende da quantidade e do tamanho das veias. Alguns vasos desaparecem, outros diminuem e outros não respondem. Por isso, novas sessões são necessárias.

Existe algum exame para diagnosticar as doenças venosas? O Eco Doppler Venoso faz um estudo detalhado da rede venosa superficial e profunda.

Por que é necessário tratar as varizes?
Para evitar as complicações, tais como a trombose, as flebites, o escurecimento da pele, a hemorragia (por perfuração venosa) e o aparecimento das úlceras. Além disso, indica-se também para aliviar a dor e melhorar a estética das pernas.

Existe Cirurgia de Varizes a Laser?
Na verdade, essa tecnologia surgiu para melhorar a abordagem da veia safena e veias perfurantes insuficientes. Por ser uma técnica minimamente invasiva (sem incisões), a recuperação é mais rápida. Observa-se redução no edema, nos hematomas, na dor e nas lesões nervosas quando comparada a abordagem cirúrgica convencional.

Como eliminar as varizes sem cirurgia?
A Escleroterapia Ecoguiada com espuma, bem como a Crioescleroterapia ganharam destaque por serem simples e eficazes. Elas podem ser efetuadas no consultório, sem cortes, internação ou anestesia.

As varizes podem voltar após a cirurgia?
Quando se realiza uma cirurgia de varizes, apenas as veias doentes são removidas. No entanto, ao longo dos anos, as veias que eram sadias, na época da primeira cirurgia, podem se tornar varicosas e necessitarem de intervenção.

Existe uma medicação que faça as varizes sumirem?
As medicações que tratam a insuficiência venosa podem diminuir a sintomatologia do paciente (perna inchada, dor em peso), mas não alteram a estética das pernas, nem as complicações das varizes.

Procedimentos realizados

  • Escleroterapia, Crioescleroterapia;
  • Escleroterapia com Espuma Ecoguiada;
  • Escleroterapia Térmica (Radiofrequência);
  • Cirurgia de Varizes Convencional e com Laser;
  • Tratamento de doenças arteriais (aorta, carótidas e artérias periféricas);
  • Angioplastias e Implantes de Stents;
  • Acessos para Quimioterapia e Hemodiálise;
  • Eco Doppler arterial, venoso e de carótidas.

Dr. Alexandre Acosta Duarte
CRM MS: 6571 / RQE: 3763
Cirurgião Vascular e Endovascular

Residência Médica em Cirurgia Geral na UFPEL - RS;
Residência Medica em Cirurgia Vascular no Hospital Conceição - POA - RS;
Residência Médica de Cirurgia Endovascular no Centro Endovascular do Rio de Janeiro.

Envie seu Comentário